13.2.06

Por Você


Por você eu dançaria tango no teto
Eu limparia os trilhos do metrô
Eu iria a pé do Rio a Salvador
Eu aceitaria a vida como ela é
Viajaria a prazo pro inferno
Eu tomaria banho gelado no inverno
Por você eu deixaria de beber
Por você eu ficaria rico num mês
Eu dormiria de meia pra virar burguês
Eu mudaria até o meu nome
Eu viveria em greve de fome
Por você, por você
Por você, por você
Por você conseguiria até ficar alegre
Pintaria todo o céu de vermelho
Eu teria mais herdeiros que um coelho
Eu aceitaria a vida como ela é
Viajaria à prazo pro inferno
Eu tomaria banho gelado no inverno
Eu mudaria até o meu nome
Eu viveria em greve de fome
Por você, por você...
[Barão Vermelho]
Por você...
Te esperaria mais e mais fins de semana
Entenderia a sua "prisão" na Academia
Aguentaria os telefones ocupados
Te dividiria com sua família que mora longe.
Deixaria meu emprego,
Conheceria o Norte,
Suportaria o calor do nordeste, o frio do sul,
Muito mais a secura do centro ou a violência do sudeste
Te perdoaria pelas ausências
Cuidaria dos seus filhos
Te seguraria a mão sempre
Pois por você
Tudo é possível,
Sem você
Nada tem sentido.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home